Destaques

 

 

Notícias sobre o Montijo

O que há de novo no Observatório

Áreas temáticas

Inquérito em Curso

Sabe o que é o Orçamento Participativo?
 

O Observatório

LEIA A PROPÓSITO...

em Agenda



Experiências inovadoras de gestão autárquica” PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Dora Carvalho   
Quarta, 11 Abril 2012 13:22

Experiências inovadoras de gestão autárquica

 

O Observatório do Cidadão do Montijo, assistiu no passado dia 20 de março no auditório da Escola Profissional do Montijo, à segunda sessão de “Cafés com Debate” promovida pelo Clube Autárquico do Montijo e dedicada ao tema “Duas experiências inovadoras de gestão autárquica”.

Os oradores convidados foram os presidentes das câmaras municipais de Paredes, Celso Ferreira, e de Moura, José Maria Pós-de-Mina.

Numa apresentação marcada pelo dinamismo e entusiasmo, Celso Ferreira deu a conhecer o seu município e o empreendedorismo criativo municipal que está a implementar na sua gestão autárquica.

O êxito no combate ao insucesso escolar, que em 2005 rondava os 45 por cento no ensino básico (até ao 9.º ano de escolaridade) e que no ano transato conseguiu ser reduzido para zero, teve por base a aposta na educação que o município assumiu como prioridade, paralelamente com a regeneração urbana/mobilidade e a reinvenção do território. 

Na sua exposição Celso Ferreira, focou que a reinvenção do território passa por aliar a criatividade ao empreendedorismo, tendo por base as pessoas e a terra. “A criatividade nasce com as terras, com as pessoas. O Montijo, por exemplo, tem de ser criativo com as pessoas do Montijo”.

Em Paredes, explicou o edil, “decidimos criar um projeto de dinamização empresarial e cultural usando aquilo que sabemos fazer, ou seja, móveis. O que queremos é criar condições para que haja mais emprego, que as nossas fábricas vendam mais e exista mais riqueza no nosso território”. 

“Paredes Pólo de Design Mobiliário” é a principal face deste empreendedorismo, um projeto coletivo de reinvenção do território para um desenvolvimento sustentável através do design e da criatividade. Um projeto que inclui o famoso concurso/exposição “Art on Chairs”, que pretende ser o maior evento mundial de arte e design ligado à cadeira, mas também outros desafios como “Paredes Cidade Criativa”, que vai fazer nascer um novo auditório municipal, um novo posto de turismo e um circuito de arte pública, entre outros empreendimentos.

Quanto aos números, Celso Ferreira, afirmou ser um projeto “na ordem dos 16 milhões de euros, dos quais 85 por cento são financiamento comunitário, e à Câmara caberá uma parcela de 1,5 milhões de euros”.

José Maria Pós-de-Mina, presidente da Câmara Municipal de Moura, apresentou algo de algum modo impensável: “um pequeno município do Alentejo profundo que desenvolveu um projeto onde obteve receita”, afirmou.

Trata-se da Central Fotovoltaica da Amareleja, a maior central solar do Mundo. “Esta ideia surgiu em 2000, tem um longo historial que culminou em 2008 com a criação de uma empresa municipal, a Lógica, que é a sociedade gestora do Parque Tecnológico de Moura”, que tem como acionistas o município de Moura, mas também outras entidades ligadas ao ensino, investigação e economia local e nacional.

“A Central Fotovoltaica da Amareleja foi a primeira central do mundo a romper o paradigma de que a tecnologia PV (n.r.: painéis fotovoltaicos) estava condenada a pequenas aplicações”, afirmou o edil de Moura, acrescentado que o equipamento “tem uma potência instalada de 46 megawatts”.

Aliado ao Parque Tecnológico de Moura e a Central Fotovoltaica da Amareleja têm surgido outros projetos como o laboratório fotovoltaico, o primeiro do género em Portugal, bem como parcerias com diversas entidades (empresas, universidades, entidades públicas e privadas, etc) tanto nacionais como estrangeiras.

No final da sessão de “Cafés com Debate” ficou espelhado que é pela criatividade, inovação e empreendedorismo que será possível ultrapassar as dificuldades que o país atravessa e alcançar novos desafios.

atualizado em Quarta, 09 Maio 2012 13:22
 
Apresentação da Matriz Energética
Escrito por Gabinete do Esteval   
Sexta, 11 Junho 2010 19:22

Apresentação da Matriz Energética para os Concelhos do Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete

 

O Observatório do Cidadão do Montijo, através do Gabinete do Esteval, mostrou interesse em participar na Apresentação da Matriz Energética para os Concelhos do Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete. A S.energia concordou com a nossa participação. No passado dia 28 de Maio a Equipa assistiu à referida Apresentação na Galeria Municipal do Montijo.

atualizado em Sábado, 10 Julho 2010 11:43
 
Terça, 25 Maio 2010 13:02

Apresentação do livro A Cultura Mundo de Gilles Lipovetsky

 

Na Era do Vazio (1983), Lipovetsky analisa uma sociedade pós-moderna ", marcada, segundo ele, por um desinvestimento da esfera pública, perda de sentido das grandes instituições colectivas (sociais e políticos) e uma cultura aberta à base de regulação "cool" das relações humanas (tolerância, hedonismo, personalização vs processo de socialização, educação permissiva, liberalização sexual, humorismo). Esta visão da sociedade realça os efeitos de um neo-individualismo narcisista e, mais precisamente, o que Lipovetsky chama de "segunda revolução individualista”.

atualizado em Sexta, 11 Junho 2010 20:24
 
Escrito por Alfreda Cruz   
Quinta, 22 Abril 2010 00:00

Súmula da Participação em Eventos dos Dias do Desenvolvimento

 

Em resposta ao Convite do Observatório das Relações Internacionais da UAL, o Observatório esteve pontualmente presente através da minha participação no na sessão da Universidade Aberta designada por “Educação e Formação para a Sustentabilidade: Novos Desafios” e no estabelecimento de contacto com o stand da Rede com vista á sintonização com a 1ª Conferência de Avaliação de Impactos que a Fundação Cidade de Lisboa prepara para 16-19 de Junho de 2010.

atualizado em Sexta, 11 Junho 2010 20:24
 
<< Início < Anterior 1 2 Seguinte > Final >>

Pág. 2 de 2

O Cidadão do Montijo e a "WWW"

Páginas e blogs dos internautas do Montijo dedicados à nossa cidade ou com textos, fotografias e temas sobre o Montijo. Participe enviando-nos o endereço da sua página para cidadaniamontijo@gmail.com.

 

Se é utilizador duma rede social, pode seguir-nos na que lhe merecer adesão

                             facebook    twitter